segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Foi um ano intenso este que passou

Foi um ano intenso este que passou, com grandes subidas e grandes quedas. Foi, sobretudo, um ano de crescimento e de evolução.
Aprendi muito sobre a arte, sobre a vida, sobre as pessoas e sobre mim mesma. Viajei, pisei muitos palcos, conheci sítios e pessoas fantásticos, conheci desesperos e dores da "alma" que nem sabia que cabiam cá dentro, mas também conheci a felicidade em igual proporção. Portanto, creio que, apesar de tudo, posso dizer que foi um ano feliz.
Deixa um sabor agridoce, não nego. Podia ter sido perfeito, mas não foi; as manchas estão lá, a estragar a pintura. No entanto, tudo isto permitiu-me criar uma bagagem que vou levar para o próximo ano e para o resto da vida, e por isso sinto-me grata por tudo, por ter vivido o bom e o mau, por ter conhecido tantas sensações novas.

Que o próximo ano me traga a leveza e a paz de espírito que procuro; e a vós, que vos traga tudo o que desejam e que merecem. Naquilo que eu poder ajudar para que tal aconteça, estou aqui! Obrigada aos que estiveram comigo também, ao longo deste ano. :)

Feliz 2013!